PUBLICIDADE
Topo

Notas roqueiras: Minas no Front, Muñoz, Bando Celta...

Combate Rock

25/10/2019 12h00

Nervosa (FOTO: DIVULGAÇÃO)

– Nos dias 31 de outubro e 1º e 2 de novembro, o palco da Comedoria vai ser invadido pelas minas. São três dias de protagonismo feminino, reunindo grupos de rock n'roll em shows intensos, com intuito de promover a participação e a inclusão de mulheres nos palcos e atrás deles. A abertura do projeto se dá no dia 31 de outubro, com a apresentação da banda As Mercenárias, formada nos anos 80, referência no pós-punk brasileiro, que trazem show inédito para o lançamento oficial do seu novo trabalho, "BAÚ 83-87", e o show da Charlotte Matou um Cara, que traz um som punk cru, gritado, rápido e de mensagem clara, com suas maiores influências musicais e ideológicas vindas do movimento punk Riot Girl, do feminismo interseccional e dos movimentos antifascismo e anti-homofobia. No dia 2 de novembro, quem sobe ao palco são as bandas The Shorts, girl gang de rock alternativo com pitadas de noise, guitar, shoegaze, soul, flertes com o blues e contemplação experimental, e a Florcadáver, um power trio de São Paulo/ Belo Horizonte formado por Amanda Buttler (baixo e voz), Célia Regina (guitarra e voz), e Theodora Charbel (bateria e voz). E para fechar o Minas no Front, no dia 3 de novembro, a banda de no wave/post-punk feminista In Venus apresenta sua sonoridade elaborada, que valoriza a construção de arranjos por meio de camadas sonoras diversas e letras de cunhos feministas e anticapitalistas. Sobe ao palco também a banda Nervosa, power trio feminino de thrash metal de São Paulo. Com fortes influências vindas de bandas da clássica escola do estilo, as garotas da banda buscam resgatar o que há de melhor na música pesada.

SERVIÇO:

Minas no Front

Dias 31 de outubro, 1 e 2 de novembro, quinta a sábado, às 21h30-

Comedoria 

Ingressos: R$9 (credencial plena/trabalhador no comércio e serviços matriculado no Sesc e dependentes), R$15 (pessoas com +60 anos, estudantes e professores da rede pública de ensino) e R$30 (inteira).

– A palavra japonesa Nekomata, que dá nome ao novíssimo quarto disco do Muñoz, é a síntese das mutações e realizações do duo mineiro radicado em Santa Catarina. Tem a ver com rituais, dualismo e resistência, num processo cujo horizonte ainda está em aberto, apesar de uma estrada muito bem delineada: o rock psicodélico de verve stoner dá lugar a uma sonoridade mais ampla, agora mais tribal e com flertes consistentes ao jazz. Nekomata, lançado pela Abraxas e Locomotiva Records, já está nas plataformas de streaming: https://sl.onerpm.com/nekomata.

– O Bando Celta está divulgando o lançamento de seu segundo single, "A Curva do Reel", dando sequência no total de cinco singles que serão lançados até que o EP "Festim Pagão" seja completado. O single anterior, "Bando Celta e o Festim Pagão" mostrou ao público tudo aquilo que já foi conferido ao vivo, em suas inúmeras apresentações pelo estado: canções leves e com uma boa dose de humor. Já em "A Curva do Reel", como o próprio título sugere, é um trocadilho que evoca as tradicionais danças irlandesas conhecidas como "reel", que na verdade também dão nome a um estilo de música Folk da Irlanda, que acompanha a dança de mesmo nome. Ouça o single no Spotify: https://spoti.fi/2OY6NeF

 

 

 

Sobre os Autores

Marcelo Moreira, jornalista, com mais de 25 anos de profissão, acredita que a salvação do Rock está no Metal Melódico e no Rock Progressivo. Maurício Gaia, jornalista e especialista em mídias digitais, crê que o rock morreu na década de 60 e hoje é um cadáver insepulto e fétido. Gosta de baião-de-dois.

Sobre o Blog

O Combate Rock é um espaço destinado a pancadarias diversas, com muita informação, opinião e prestação de serviços na área musical, sempre privilegiando um bom confronto, como o nome sugere. Comandado por Marcelo Moreira e Mauricio Gaia, os assuntos preferencialmente vão girar em torno do lema “vamos falar das bandas que nós gostamos e detonar as bandas que vocês gostam..” Sejam bem-vindos ao nosso ringue musical.
Contato: contato@combaterock.com.br

Blog Combate Rock