Topo
Combate Rock

Combate Rock

Sandinistas unem a fúria do punk com a simplicidade do rock de garagem

Combate Rock

22/08/2019 17h00

Nelson Souza Lima – especial para o Combate Rock

Sandinistas (FOTO: DIVULGAÇÃO)

Começo esta matéria com uma piada sem graça, mas irresistível: Sandinistas não são fãs de Sandy e Júnior…

Passada a sessão abobrinha, falo da banda paulistana Sandinistas, que vêm aos poucos conquistando espaço na cena rock independente, fazendo barulho com um som porrada e letras legais. Formada em março de 2017, o grupo tem pouco tempo de estrada, porém é integrado por músicos experientes.

O líder do Sandinistas, Paulo SS (vocal/guitarra), já é bastante conhecido no underground. Nos anos 90 esteve à frente do Laranja Mecânica um dos grupos mais show de bola surgidos na década. Completam a formação o vocalista Ivo Augusto (que toca baixo também) e Thiago Ferreira (bateria).

Seguindo o caminho natural de muitos outros bandas o Sandinistas está se apresentando no circuito de bares e casas noturnas mostrando seu punk rock/garage que já rendeu um EP e alguns singles disponíveis em plataformas digitais e no Youtube.

A primeira música de trabalho, "Enquanto isso" já teve várias visualizações com uma letra que é uma ode a perseverança e otimismo.

Paulo SS canta "Levante e Sorria/Você quer fazer sucesso, mas tá cansado de esperar//Muita calma, meu amigo, a sua hora vai chegar//O Sol nasceu já é outro dia, pra que chorar?/Levante e Sorria!"

O som direto e contundente do trio também pode ser conferido em canções bacanudas como "Conquista", "Ninguém é Especial", "Amanhã" e "Isso é o que nos resta".

Com boa repercussão em programas como o "Filhos da Pátria", da Kiss FM apresentado pelo líder dos Inocentes, Clemente Nascimento o som do Sandinistas é um respiro de consciência em meio ao marasmo musical.

Outro detalhe interessante é o nome da banda, inspirado nos ingleses do The Clash, que tem na discografia o álbum "Sandinista", lançado em 1980. Enfim, é uma boa banda que tá trilhando seu caminho.

Quem quiser conferir os caras se apresentam em dois bares de São Paulo futuramente: dia 27 de setembro no Relicário Rock Bar e em 6 de outubro no Caveira Rock Bar. 

Sobre os Autores

Marcelo Moreira, jornalista, com mais de 25 anos de profissão, acredita que a salvação do Rock está no Metal Melódico e no Rock Progressivo. Maurício Gaia, jornalista e especialista em mídias digitais, crê que o rock morreu na década de 60 e hoje é um cadáver insepulto e fétido. Gosta de baião-de-dois.

Sobre o Blog

O Combate Rock é um espaço destinado a pancadarias diversas, com muita informação, opinião e prestação de serviços na área musical, sempre privilegiando um bom confronto, como o nome sugere. Comandado por Marcelo Moreira e Mauricio Gaia, os assuntos preferencialmente vão girar em torno do lema “vamos falar das bandas que nós gostamos e detonar as bandas que vocês gostam..” Sejam bem-vindos ao nosso ringue musical.
Contato: contato@combaterock.com.br