Topo
Combate Rock

Combate Rock

Rápido panorama do metal nacional - 30

Combate Rock

12/08/2019 07h00

Marcelo Moreira

– Methademic – Prog metal de qualidade que vem do Pará em álbum chamado "River of Blood of My Hands". Chama a atenção pela qualidade das músicas, enquanto a produção peca em alguns detalhes. Se as referências são nacionais, podemos enquadrar o grupo na leva de prog metal que nacional que tem Mindflow, Hollowmind e Daydream XI, entre outras bandas. embora seja perceptíveis as influências de Dream Theater e Queensryche. Não chega a ser mais do mesmo, mas é outra banda que rpecisa encontrar o seu caminho.

– Krucipha – Banda paranaense emergente, o Krucipha chega com seu segundo álbum, "Inhuman Nature", a um novo patamar. A produção é muito boa, deixando os timbres de guitarra mais cristalinos e também mais pesados. O som varia do thrash para death metal, com boas ideias con tidas em músicas como "Hateful" e "Acceptance", mas o destaque vai para a estupenda "Mass Catharsis".

 

– Eternal Sacrifice – Black metal de ótima qualidade que vem da Bahia. O instrumental é insano, mas bem construído, com o som das guitarras pesado como granito, além de arranjos diferenciados em músicas com títulos quilométricos e estranhos, como "Nasha, Retitution of Double the Light (Luce) and Harmony (Fe): Pagans Calls". De qualquer forma, é um trabalho de muita qualidade dentro de um gênero difícil de uma banda se sobressair.

– Arken – Uma boa mistura de heavy tradicional com aquele stoner metal de viés setentista em seu EP autiintitulado. Muito pesado, trabalha com competência os tibres de guitarra e um baixo gordo e eficiente, que faz uma base sólida para o instrumental viajante. Os destaques são "The Piece of My Life", que lembra muito a boa fase do West, Bruce & Laing, e a pesadona "Fast Dog (Bites Hard)".

– Necrofobia – Um retorno por cima. O Necrofobia chamou a atenção no começo dos anos 2000, mas acabou sucumbindo às dificuldades inerentes de se fazer metal no Brasil. De volta ao batente, o grupo mostra fúria e energia em "Membership", álbum pesado e urgente. É thrash metal direto e reto, com boas canções e muito barulho. "Silent Protest" é a música mais legal.

Sobre os Autores

Marcelo Moreira, jornalista, com mais de 25 anos de profissão, acredita que a salvação do Rock está no Metal Melódico e no Rock Progressivo. Maurício Gaia, jornalista e especialista em mídias digitais, crê que o rock morreu na década de 60 e hoje é um cadáver insepulto e fétido. Gosta de baião-de-dois.

Sobre o Blog

O Combate Rock é um espaço destinado a pancadarias diversas, com muita informação, opinião e prestação de serviços na área musical, sempre privilegiando um bom confronto, como o nome sugere. Comandado por Marcelo Moreira e Mauricio Gaia, os assuntos preferencialmente vão girar em torno do lema “vamos falar das bandas que nós gostamos e detonar as bandas que vocês gostam..” Sejam bem-vindos ao nosso ringue musical.
Contato: contato@combaterock.com.br