Topo
Combate Rock

Combate Rock

Eleição 'prende' Torture Squad na Colômbia e banda cancela shows no Equador

Combate Rock

10/03/2018 07h10

Marcelo Moreira

Torture Squad (FOTO: DIVULGAÇÃO)

Acreditamos piamente que eleições e democracia são coisas divinas e indissociáveis da civilização e do bom argumento para uma boa vida. E quando a democracia e as eleições jogam contra você?

Parece que esse é o caso da banda paulistana Torture Squad, que está em turnê pela América do Sul. De forma inusitada, a banda e sua equipe foram pegos pelo turbilhão do fervor democrático da Colômbia.

O bizarro é que, por causa das eleições gerais da Colômbia neste final de semana, a banda brasileira está retida até o final da noite de domingo.

O motivo é um decreto baixado pelo governo colombiano fechando as fronteiras do país por causa das eleições e também de “temores'' de problemas por conta do forte fluxo de imigrantes venezuelanos que fogem da crise de seu país.

Assim, as fronteiras da Colômbia foram fechadas porque há a preocupação com “distúrbios'' e “violência localizada''.

O baterista Amílcar Christófaro, por meio das redes sociais, explicou o que está acontecendo com a banda, que só poderá sair da Colômbia na noite domingo ou na manhã de segunda-feira.

Com isso, três shows no Equador terão de ser cancelados ou adiados. “Estamos presos na Colômbia e isso irá nos fazer perder os 3 primeiros shows no Equador: Quito, Ibarra e Santa Rosa. Agora eu pergunto: que diabos os estrangeiros de outros países tem a ver com isso?'', escreveu o músico, bastante irritado.

“A todos os equatorianos que iriam nos nossos shows que foram cancelados, mesmo não sendo nossa culpa, o nosso pedido de desculpas. Esperamos voltar em breve a tocar em Quito, Ibarra e Santa Rosa. Passando por esse turbilhão de obstáculos nesse momento, a tour segue seu curso normal a partir de Canar no dia 13 de março'', finalizou o baterista.

Sobre os Autores

Marcelo Moreira, jornalista, com mais de 25 anos de profissão, acredita que a salvação do Rock está no Metal Melódico e no Rock Progressivo. Maurício Gaia, jornalista e especialista em mídias digitais, crê que o rock morreu na década de 60 e hoje é um cadáver insepulto e fétido. Gosta de baião-de-dois.

Sobre o Blog

O Combate Rock é um espaço destinado a pancadarias diversas, com muita informação, opinião e prestação de serviços na área musical, sempre privilegiando um bom confronto, como o nome sugere. Comandado por Marcelo Moreira e Mauricio Gaia, os assuntos preferencialmente vão girar em torno do lema “vamos falar das bandas que nós gostamos e detonar as bandas que vocês gostam..” Sejam bem-vindos ao nosso ringue musical.
Contato: contato@combaterock.com.br