Topo
Combate Rock

Combate Rock

Rápido panorama do metal nacional - 20

Combate Rock

2016-02-20T19:06:39

16/02/2019 06h39

Marcelo Moreira

– Blind Horse – "Patagonia" é uma agradável surpresa de uma banda carioca despretensiosa, mas com uma fome de criatividade. A ideia era fazer um som retrô, como virou moda na Europa uns anos atrás com The Answer, The Brew, Kavadar, Zodiac e mais um monte de grupos. No entanto, o Blind Horse teve a sabedoria de misturar altas doses de stoner e psicodelia, criando um som cativante e diferente do que temos observado no rock sul-americano. Se você gosta do som de órgão Hammond, tem aos montes, além de guitarras bem sacadas e muita viagem. A longa faixa-título é o destaque.

– Hammerhead Blues – "Caravan of Light" é um dos melhores exemplos de blues rock feito atualmente no Brasil. Com ginga e inteligência, o CD mostra uma banda madura, que segue na melhor trilha d'O Bando do Velho Jack e Cracker Blues, só que bem mais pesado, já que a guitarra afiada comanda as ações. O "setentismo" dá as caras em vários momentos, assim como pitadas generosas de blues, como em "Lion King" e "Drifter", além da pesada e harmoniosa "Hammerhead Blues".

– Warcursed – "Stages of Death" é o terceiro álbum desta poderosa banda que faz uma excelente mistura de thrash e death metal. A violência sonora impera em todas as músicas, com grande trabalho de guitarras e um baixo que se torna um verdadeiro rolo compressor. Os destaques são "Rigor Mortis" e "Skeletonization".

– Sadomystic – Black metal na veia, podre de tão obscuro e pesado. O novo trabalho da banda, "Cauldron – Darkness and the Secrets os Sorcery", reúne todos os elementos necessários para um bom álbum do subgênero. É um som cru e violento, com muitas referências ao som escandinavo, especialmente em "Cult to Black Sorcery".

– Vultures – Outra banda de black metal importante do Brasil, está com seu trabalho mais recente na praça, "Post Mortem". Não consegue resultado tão expressivo quanto o do Sadomystic, mas apresenta boas ideias, como nas faixas "Beware" e "Aqueronte". A produção deixa um pouco a desejar, mas é um bom trabalho.

Sobre os Autores

Marcelo Moreira, jornalista, com mais de 25 anos de profissão, acredita que a salvação do Rock está no Metal Melódico e no Rock Progressivo. Maurício Gaia, jornalista e especialista em mídias digitais, crê que o rock morreu na década de 60 e hoje é um cadáver insepulto e fétido. Gosta de baião-de-dois.

Sobre o Blog

O Combate Rock é um espaço destinado a pancadarias diversas, com muita informação, opinião e prestação de serviços na área musical, sempre privilegiando um bom confronto, como o nome sugere. Comandado por Marcelo Moreira e Mauricio Gaia, os assuntos preferencialmente vão girar em torno do lema “vamos falar das bandas que nós gostamos e detonar as bandas que vocês gostam..” Sejam bem-vindos ao nosso ringue musical.
Contato: contato@combaterock.com.br