PUBLICIDADE
Topo

Combate Rock

Listas, sempre polêmicas

Maurício Gaia

19/08/2014 16h00

Não tem jeito. Qualquer tipo de lista feita sempre traz omissões e polêmicas. Não seria diferente com a recém-divulgada lista de "Os 100 artistas mais influentes", publicada pelo semanário New Musical Express.

Capa da NME, com os 100 artistas mais influentes (Reprodução)

Capa da NME, com os 100 artistas mais influentes (Reprodução)

Logo na capa, eles já entregam: não, não tem Beatles. Outras ausências importantes são sentidas ali – Stones, Bob Dylan, Pink Floyd, entre outros. Da mesma forma, surpreende a presença da boa Vampire Weekend, mas é difícil entender o quão influente uma banda com apenas dois discos lançados nesta década possa ser. Ou, como comentou Marcelo Moreira, parceiro deste Combate Rock, "se tem Sufjan Stevens no meio, não deve ser coisa boa".

"Os novos Beatles" ou Curiosity Killed The Cat (quem?) Foto: Divulgação

Também deve-se levar em conta que algumas preferências musicais dos britânicos são inacreditavelmente difíceis de se explicar – os mais velhos se lembram quando a até hoje ignorada banda Curiosity Killed the Cat foi apontada pela imprensa local como "os novos Beatles". Para nossa sorte, a existência da banda foi ignorada pelo mundo e voltou ao oblívio, de onde nunca deveria ter saído.

Outra bizarrice foi a eleição, feita entre ouvintes da rádio XFM, que apontou Liam Gallagher, ex-Oasis e atual Beady Eye, como o "maior vocalista de todos os tempos". Tão surpreendente quanto o vencedor foi a indicação de Dave Grohl, do Foo Fighters, como o terceiro lugar. Só rindo, mesmo.

De qualquer maneira, a lista dos 100 artistas mais influentes tem mais acertos do que erros – mesmo a exclusão dos Beatles, Who ou Stones é plenamente justificada, conforme explicado no blog da publicação: qualquer garoto que monte uma banda hoje não tem a pretensão de escrever uma nova "Lucy in The Sky With Diamonds", mas quer escrever uma nova "Seven Nation Army". Sendo assim, natural que uma banda como Radiohead apareça em primeiro lugar. Como também é perfeitamente compreensível que um artista veterano como David Bowie esteja entre o top 5, ja que seu trabalho continua extremamente atual e influente.

Abaixo a relação dos 20 primeiros colocados:

1) Radiohead
2) David Bowie
3) Kanye West
4) The White Stripes
5) The Strokes
6) The Flaming Lips
7) The Gun Gun Club
8) Kate Bush
9) Nick Cave
10) The xx
11) The Smiths
12) The Breeders
13) Joy Division
14) The Clash
15) Jonathan Richman & The Modern Lovers
16) The Velvet Underground
17) Blur
18) Aaliyah
19) Neutral Milk Hotel
20) Prince

A relação completa está aqui e aqui.

Clique no player para ouvir o programa Combate Rock sobre os 100 mais influentes artistas, segundo o NME.

Sobre os Autores

Marcelo Moreira, jornalista, com mais de 25 anos de profissão, acredita que a salvação do Rock está no Metal Melódico e no Rock Progressivo. Maurício Gaia, jornalista e especialista em mídias digitais, crê que o rock morreu na década de 60 e hoje é um cadáver insepulto e fétido. Gosta de baião-de-dois.

Sobre o Blog

O Combate Rock é um espaço destinado a pancadarias diversas, com muita informação, opinião e prestação de serviços na área musical, sempre privilegiando um bom confronto, como o nome sugere. Comandado por Marcelo Moreira e Mauricio Gaia, os assuntos preferencialmente vão girar em torno do lema “vamos falar das bandas que nós gostamos e detonar as bandas que vocês gostam..” Sejam bem-vindos ao nosso ringue musical.
Contato: contato@combaterock.com.br

Blog Combate Rock