Combate Rock

Notas roqueiras: Frejat, Do Amor, Seu Juvenal...

Combate Rock

13/04/2017 12h07

Frejat (FOTO: DIVULGAÇÃO)

– Frejat preparou um show diferente do que está acostumado a levar para todo o Brasil. No lugar da guitarra e de toda a energia rock’n’roll dele e da banda que o acompanha há anos, o artista sobe ao palco apenas com voz e violão. A turnê nacional começará pelo Rio de Janeiro, no dia 8 de junho (Teatro Bradesco Rio) e depois segue para São Paulo, no dia 9 de junho (Teatro Opus); Novo Hamburgo, no dia 10 de junho (Teatro Feevale); Porto Alegre, no dia 11 de junho (Teatro do Bourbon Country); Fortaleza, no dia 16 de junho (Teatro RioMar Fortaleza); Natal, no dia 17 de junho (Teatro Riachuelo) e encerra em Recife, no dia 18 de junho (Teatro RioMar Recife). Os ingressos para os shows já estão à venda. No repertório, um passeio pelos sucessos de sua trajetória artística e também por músicas de artistas que ele sempre gostou de ouvir. “A ideia é fazer um show intimista tocando minhas músicas. Algumas delas sucessos e outras que não toco há muitos anos”, revela Frejat.

SERVIÇO:

SÃO PAULO
Dia 9 de junho
Sexta-feira, às 21h
Teatro OPUS (Av. das Nações Unidas, nº 4777 – Alto de Pinheiros/ 4o piso – Shopping VillaLobos)
www.teatroopus.com.br/

INGRESSOS:

SetorValorMeia-entrada
Balcão NobreR$ 140,00R$ 70,00
Plateia AltaR$ 180,00R$ 90,00
Plateia BaixaR$ 220,00R$ 110,00

– No dia 15 de abril, sábado, às 21h30, o conjunto musical Do Amor lança o disco “Fodido Demais” na Comedoria do Sesc Pompeia. Prestes a comemoras 10 anos de carreira, a banda continua fazendo experimentos e criando misturas inusitadas, como de afrobeat com punk rock, sertanejo com reggaeton e cumbia com carimbó. Gabriel Bubu (voz e guitarra), Gustavo Benjão (voz e guitarra), Marcelo Callado (voz e bateria) e Ricardo Dias Gomes (voz e baixo) formam a Do Amor. Após o lançamento de dois discos e turnê pelo Brasil e exterior, lançam “Fodido Demais”, que aborda questões da vida moderna de forma ácida e bem humorada. Gravado no Estúdio Do Amor, com Igor Ferreira, o álbum também busca trazer o lado bom de estar vivo, mesmo em meio a situações ruins. O trabalho é lançado pelo selo paulistano Balaclava Records.

Serviço: 

Dia 15 de abril, sábado – 21h30

Comedoria

*A capacidade do espaço é de 800 pessoas. Assentos limitados: 150. A compra do ingresso não garante a reserva de assentos. Abertura da casa às 20h30.

Ingressos: R$6 (credencial plena/trabalhador no comércio e serviços matriculado no Sesc e dependentes), R$10 (credenciado*/usuário inscrito no Sesc e dependentes, +60 anos, estudantes e professores da rede pública de ensino) e R$20 (inteira).

Venda online a partir de 4 de abril, terça-feira, às 17h30.

Venda presencial nas unidades do Sesc SP a partir de 5 de abril, quarta-feira, às 17h30. 

Classificação indicativa: Não recomendado para menores de 18 anos.

Sesc Pompeia – Rua Clélia, 93.

– Walter Franco, Jards Macalé, Itamar Assunção, Sergio Sampaio, entre outros ícones da música anticomercial ganham versões com sotaque mineiro e cara de rock errado. É o novo projeto da banda Seu Juvenal. A banda vem agora apresenta “Maldito Rock”, que traz a banda interpretando clássicos “Lado B” da música popular brasileira com roupagem rock (errado). O repertório é recheado de composições dos “Malditos da MPB” como Walter Franco, Jards Macalé, Itamar Assunção, Sergio Sampaio entre outros que foram considerados ícones da música anticomercial, inovadores e provocadores naturais, eternos inquietos. O show de estreia de “Maldito Rock” deve acontecer em junho em Ouro Preto/MG, cidade onde o Seu Juvenal encontra-se hoje radicado (a banda foi formada em Uberaba/MG em 1997). Local e outros detalhes deverão ser informados em breve, bem como datas em outras cidades e estados. Além de Bruno e Zacca, o Seu Juvenal também conta com o baixista Tito e o baterista Renato Zaca.

Sobre os Autores

Marcelo Moreira, jornalista, com mais de 25 anos de profissão, acredita que a salvação do Rock está no Metal Melódico e no Rock Progressivo. Maurício Gaia, jornalista e especialista em mídias digitais, crê que o rock morreu na década de 60 e hoje é um cadáver insepulto e fétido. Gosta de baião-de-dois.

Sobre o Blog

O Combate Rock é um espaço destinado a pancadarias diversas, com muita informação, opinião e prestação de serviços na área musical, sempre privilegiando um bom confronto, como o nome sugere. Comandado por Marcelo Moreira e Mauricio Gaia, os assuntos preferencialmente vão girar em torno do lema “vamos falar das bandas que nós gostamos e detonar as bandas que vocês gostam..” Sejam bem-vindos ao nosso ringue musical.
Contato: contato@combaterock.com.br

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Combate Rock
Topo